Seja bem vindo(a)!!!





Há mais 15 anos , apresento um programa de rádio intitulado "Canta Minas", na rádio Aranãs FM, de Capelinha MG, com enfoque exclusivo para a música mineira em todas suas vertentes. Sempre fui apaixonado por música e, assim sendo, tomei a iniciativa de criar este blog com a finalidade de divagar um pouco sobre as minhas impressões durante os mais de 12 anos de programa. Além da música também sou apaixonado por História e Literatura. Aqui, publicarei crônicas, causos e outras divagações a respeito de tudo que tenho vivido nesse pedaço de chão que é o Vale do Jequitinhonha. E como não pode deixar de ser, também escrevo sobre a minha querida terra natal, Corinto, e outras vivências pelo mundo afora que me ajudaram a construir uma história de gente comum, sem heroísmos, no entanto carregada pelos "sinais de humanidade"!!! Abraços Gerais!!!

banner

banner

sexta-feira, 21 de junho de 2013

CAFÉ ARANÃS APRESENTA "JARDIM ESTAMPADO DE GENTE"

Empresa realiza em Capelinha exposição com o artista plástico Gildásio Jardim, mineiro de Padre Paraíso, com curadoria de Tadeu Oliveira


Clique sobre a imagem para ampliá-la

O Café Aranãs é uma empresa que sempre valorizou a cultura do Vale do Jequitinhonha. E uma vez mais, esta empresa do setor da cafeicultura traz um grande artista do Vale do Jequitinhonha à cidade. 

Intitulada "Jardim estampado de gente", a exposição ficará durante 30 dias em Capelinha e será itinerante: a mesma passará por escolas, bancos, estabelecimentos comercias e institucionais.

A exposição será aberta na noite do dia 27 de junho na abertura oficial do JEQUISABOR - Festival Gastronômico e Cultural 2013, que acontecerá no Galpão Cultural Maria Odeth Sampaio, às 20 horas.

O CAFÉ ARANÃS
Fundado em 1992, o Café Aranãs tem o seu nome ligado tanto ao mito de fundação quanto à história da cafeicultura de Capelinha. Afinal, o termo indígena Aranãs vem significar justamente “aves provenientes do sul”. E o empresário Sérgio Meirelles Filho é um cafeicultor proveniente do sul de Minas!

A empresa há mais de 20 anos oferece produtos de qualidade desde as etapas do cultivo e torrefação, até chegar à sua mesa. E cabe a você, como todo bom brasileiro que se preza, apenas escolher o acompanhamento de sua preferência: seja pão-de-queijo, bolo de fubá, biscoito de polvilho, uma boa talhada de queijo ou, como dizem os mineiros, café com língua! Isto mesmo! Um cafezinho pra esquentar a prosa!

Desde que o Café Aranãs entrou no mercado, o consumidor elogia o seu padrão de qualidade, um dos maiores atributos da empresa. Afinal, o interesse do Café Aranãs não é o de ser o maior torrefador da região, mas sim o melhor ao produzir sempre um café de qualidade!

Recentemente, após investir em várias pesquisas, a EPAMIG desenvolveu uma nova variedade de café cujo nome é uma homenagem à cafeicultura desenvolvida em Capelinha e todo leste mineiro: Aranãs.

Se a arte e a cultura sempre tiveram um grande número de amantes do café como Johan Sebastian Bach (1685-1750), Carlos Drummond de Andrade (1902-1987) e Cândido Portinari (1903-1962) só para citar alguns, a empresa tem um compromisso de apoiar vários eventos e artísticos e culturais em Capelinha e região, dando-lhes o seu devido valor.


QUEM É GILDÁSIO JARDIM
Artista plástico e professor de Geografia, natural de Padre Paraíso - MG, cidade do médio Vale do Jequitinhonha, esse emergente artista pinta desde os 13 anos de idade quando ainda era morador da comunidade Abelha Brava, na zona rural de sua terra natal.
No início sua pintura era só decorativa: paisagens, flores e animais. Ao ingressar no curso de licenciatura em Geografia pela UNIMONTES, recebe influências acadêmicas que acabam por influenciar sua arte. E ao frequentar o FESTIVALE (Festival da Cultura Popular do Vale do Jequitinhonha), cuja maior característica é o de ser um festival itinerante, lança um outro olhar sobre sua própria realidade.
Dono de uma técnica singular e inovadora, Gildásio Jardim produz pinturas em telas confeccionadas em tecido chita de variadas estampas que são lembranças que povoam seu imaginário desde a infância vivida no meio da gente do sertão do Vale do Jequitinhonha, provocando a fusão dos personagens e as cores de suas vestimentas com a própria tela. Assim, de cada estampa desabrocha um personagem ou uma experiência vivida e/ou sentida da cultura popular.

CURADORIA E MONITORIA: TADEU OLIVEIRA
Graduado em História, há mais de 10 anos Tadeu Oliveira apresenta o programa Canta Minas – O Som das Gerais na rádio Aranãs FM, de Capelinha.

Sempre antenado com as manifestações artísticas e culturais de Capelinha e do Vale do Jequitinhonha, há mais de 10 anos atua em parceira com o Café Aranãs organizando eventos artísticos e culturais.

COLABORAÇÃO: AMBA MUSICAL
A Amba Musical é um projeto artístico-cultural desenvolvido e mantido pela AMBA (Associação dos Moradores do Bairro Aparecida), da cidade de Capelinha. Alguns dos adolescentes e jovens que participam do projeto colaboram como monitores nesta exposição.


SERVIÇO:
EXPOSIÇÃO: “JARDIM ESTAMPADO DE GENTE”, do artista plástico Gildásio Jardim, de Padre Paraíso MG
Local: Exposição itinerante na cidade de Capelinha MG
Data: de 27 de junho a 27 de julho de 2013
Curadoria e Monitoria: Tadeu Oliveira
Apoio Cultural: Programa Canta Minas
Colaboração: Amba Musical
Realização: Café Aranãs