Seja bem vindo(a)!!!





Há mais 15 anos , apresento um programa de rádio intitulado "Canta Minas", na rádio Aranãs FM, de Capelinha MG, com enfoque exclusivo para a música mineira em todas suas vertentes. Sempre fui apaixonado por música e, assim sendo, tomei a iniciativa de criar este blog com a finalidade de divagar um pouco sobre as minhas impressões durante os mais de 12 anos de programa. Além da música também sou apaixonado por História e Literatura. Aqui, publicarei crônicas, causos e outras divagações a respeito de tudo que tenho vivido nesse pedaço de chão que é o Vale do Jequitinhonha. E como não pode deixar de ser, também escrevo sobre a minha querida terra natal, Corinto, e outras vivências pelo mundo afora que me ajudaram a construir uma história de gente comum, sem heroísmos, no entanto carregada pelos "sinais de humanidade"!!! Abraços Gerais!!!

banner

banner

domingo, 3 de fevereiro de 2013

BALANÇO DO 30° FESTIVALE OCORRIDO NA CIDADE DE MEDINA MG

Mauro Chaves, presidente da Fecaje - Foto: Tadeu Oliveira
O programa Canta Minas do dia 03 de fevereiro divulga entrevista concedida por Mauro Chaves, presidente da FECAJE - Federação das Entidades Culturais e Artísticas do Vale do Jequitinhonha. O dirigente explica por que houve mudança na data de realização do 30° FESTIVALE, evento em que acontece tradicionalmente no meio do ano e que já deveria ter ocorrido em julho de 2012, porém só aconteceu  em janeiro de 2013. 

Embora o 30° FESTIVALE tenha ocorrido num período muito chuvoso, ainda assim houve uma boa participação do público. Diversas pessoas do Vale do Jequitinhonha, Mucuri e Rio Doce marcaram presença em Medina. E um fato interessante foi a presença maciça de jovens oriundos de diversas regiões de Minas. Muitos deles, expressaram grande simpatia e apreço à cultura popular e prometeram voltar nos próximos e festivais e trazer novos amigos. 

Alguns dos diversos shows com os artistas da região aconteceram  debaixo de chuva e nem assim o público arredou o pé, como foi o caso do show do Paulinho Pedra Azul. Além dele, abrilhataram o 30° FESTIVALE Saulo Laranjeira, Pereira da Viola, Rubinho do Vale, Carlos Farias e o Coral das Lavadeiras de Almenara, Coral Trovadores do Vale além de diversos outros corais e grupos folclóricos do Vale do Jequitinhonha.

Além dos shows, aconteceram também oficinas de formação de corais com o maestro Lindomar Gomes e oficinas de teatro e malabares.

Um fato importante a ser registrado sobre o 30° FESTIVALE foi a ausência de ocorrências policiais. Não se registrou nenhuma briga ou qualquer outro ato de violência.

Confira a entrevista no programa Canta Minas de hoje, logo mais a partir do meio-dia pelo site da Rádio Aranãs FM. (clique sobre o nome da rádio para ouvir).

Para visualizar as fotos do 30° FESTIVALE, acesse a página do Canta Minas no Facebook: www.facebook.com.br/cantaminas